sábado, 23 de abril de 2016

Live Kubuntu 16.04 release 16-04-20 23h06

Kubuntu 16.04 LTS Xenial Xerux lançado em 21 Abr. 2016 terá suporte de três (3) anos, até 2019

Este “teste de trabalho em Live USB” com o Kubuntu 16.04 LTS Xenial Xerus, — lançado oficialmente no dia 21 Abr. 2016, — começou às 12:26 do dia 22 e completou 36 horas de duração, sem nenhum problema relevante.

  • SummaryKubuntu 16.04 worked with no system problem or app-crash, running in a continuous Live USB session about 36 hours, using Chromium, LibreOffice, Dolphin, Psensor, KSysguard, Spectacle, Gwenview, KInfocenter, Konsole, Synaptic, Discover, pyRenamer, Gimp—//Discover did not discover things like Chromium, Gimp, Psensor, ttf-mscorefonts-installer, Synaptic, pyRenamer, so I had to install them using “apt-get install” (but Discover did find some of them, in 4 previous sessions with Beta / Beta2, last 4 weeks). —// An error “while moving old database out of the way”, with “apt-get update”: “AppStream cache update failed”. (But did not fail yesterday morning, in a brief 4-hours Live session, with this same ISO/Pendrive). However, no problem to “apt-get installChromium, Gimp, Psensor, ttf-mscorefonts-installer, Synaptic, pyRenamer after this error, and they all are working fine.

Uso da memória com 6 abas do Facebook no Chromium

Não houve nenhum “crash”, nenhum aplicativo ou janela travou, nem fechou “inesperadamente”, e até o momento não se registrou nenhum “erro” do KDE.

Transcorreu tudo na mais perfeita normalidade, — tão rápido e produtivo quanto o Kubuntu 14.04 (HD), — tal como no 4º teste com a versão beta.

Discover (plasma-discover) não descobriu nada, — ao contrário dos 4 testes Xenial beta/beta2 nos últimos 30 dias

A única exceção significativa foi o “Discover”, — que desta vez não conseguiu “descobrir” nada de útil, — e foi abandonado em favor do “apt-get update / apt-get install”.

Redução do widget “Install Kubuntu 16.04 LTS”, ao aplicar outro tema

De menor relevância, apenas 2 registros:

1) Aplicar Desktop Theme “Air” continua causando redução de tamanho do widget “Install Kubuntu 16.04 LTS”, — desde o 1º teste de trabalho, ainda com o beta inicial, há 4 semanas. — Já existe registro desse bug, faz algum tempo.

Falha ao atualizar o banco de dados (local) com informações dos repositórios, por “apt-get update”, à tarde

2) Às 12:56 de ontem, o comando “apt-get update” não pôde atualizar a base de dados local:

** (appstreamcli:3902): CRITICAL **: Error while moving old database out of the way.
AppStream cache update failed.
Reading package lists... Done.

Gimp aberto das 11:30 às 22:52 do 2º dia da sessão Live USB para editar 14 PrintScreen

Porém, isso não impediu de encontrar e instalar, com sucesso, Chromium, Gimp, Psensor, ttf-mscorefonts-installer, Synaptic e pyRenamer, — todos funcionando bem até hoje (23).

  • Chromium, LibreOffice, Dolphin, Psensor, KSysguard estão abertos, configurados e em uso constante desde ontem (22).

  • SpectacleGwenview, KInfocenter, Konsole, Synaptic e Discover já foram abertos e usados dúzias de vezes.

  • Hoje (23), foram utilizados: — o pyRenamer, para renomear os primeiros prints com hora UTC; — e o Gimp, para editar 14 imagens.

O mais provável é que ainda não houvesse atualizações relevantes para o funcionamento desses aplicativos, — e o “apt-get” trabalhou com os dados anteriores, sem problemas.

Sucesso em atualizar o banco de dados (local) com informações dos repositórios, por “apt-get update”, pela manhã

Antes desta sessão Live USB, — iniciada ontem às 12:26, — houve outra sessão, de poucas horas, das 8:31 às 12:23, em que o “Discover” também não conseguiu “descobrir” nada de útil.

Porém, naquela primeira sessão o “apt-get update” não acusou nenhum erro.

Ao surgir a licença MS no Konsole, tecle “Tab” para marcar “Ok”, senão você dá “Enter” sem sair do lugar

A decisão de reiniciar o computador, — começar outra sessão Live USB, — tinha a expectativa de que, assim, talvez o “Discover” voltasse a encontrar Gimp, Synaptic, Psensor etc., como nos 4 testes anteriores.

Vã esperança.

Download e instalação do Chromium, — “chromium-browser”

Em resumo, o caminho foi este:

  • sudo apt-get update
  • sudo apt-get install chromium-browser
  • sudo apt-get install gimp
  • sudo apt-get install psensor
  • sudo apt-get install ttf-mscorefonts-installer
  • sudo apt-get install synaptic
  • sudo apt-get install pyrenamer

Pode-se enfileirar tudo isso numa linha só, — mas a opção foi executar 1 comando de cada vez, para registrar o download (Network history) e a instalação (CPU history), item por item.

Clique com o botão direito do mouse na área do Konsole para configurar PerfilAparência

Como os PrintScreen da 1ª sessão Live, — com letrinhas brancas miúdas sobre fundo preto, — ficaram muito difíceis de ler, foi alterado o perfil do Konsole ao iniciar a 2ª sessão Live.

Apertem os cintos, vamos acelerar


O Kubuntu 16.04 LTS Xenial Xerus lançado oficialmente no dia 21 Abr. 2016 terá suporte de três (3) anos, — até Abril de 2019, — portanto, terminará junto com o suporte ao também “LTS” Kubuntu 14.04 Trusty Tahr, que é de cinco (5) anos.

Esse recuo na duração do “Suporte de longa duração” (LTS = Long Term Service), — que inicialmente era de 3 anos, e se havia ampliado para 5, — parte do Ubuntu, reflete-se em todos os “sabores”, — Xubuntu, Ubuntu Studio, Ubuntu Kylin, Ubuntu GNOME, Mythbuntu, Lubuntu, Kubuntu, Ubuntu MATE, — e afetará “derivados” como o Linux Mint 18, previsto para daqui a cerca de 2 meses.

A melhor aposta é a Canonical estar prevendo que as coisas vão se acelerar muito, nesses 3 anos.

Vai se acelerar a expansão do “Snappy”, — com migração de inúmeros aplicativos “.Deb”, — com a expansão do “Ubuntu Core”, e a expansão dos negócios em todas as direções.

E dentro de 3 anos poderá não fazer sentido, continuar investindo na manutenção de um release que terá sido apenas o início de enormes e rápidas transformações.

Renomeando fotos do Nokia Lumia (WindowsPhone) com o pyRenamer para enfileirar com os PrintScreen

Histórico da sessão


A imagem ISO utilizada foi:

  • kubuntu-16.04-desktop-amd64.iso 20-Apr-2016 23:06  1.4G  Desktop image for 64-bit PC (AMD64) computers (standard download)

que em 23 Abr., às 21:23, ainda permanece a mesma, na página:


utilizando o kubuntu-16.04-desktop-amd64.iso.torrent 21-Apr-2016 09:23.

O torrent foi feito pelo “Transmission”, no Linux Mint 17.03, onde também foi gerado o Pendrive por comando “dd”:

  • flavio@linux2:~$ sudo dd if=/home/flavio/Downloads/Linux/kubuntu-16.04-desktop-amd64.iso of=/dev/sdc bs=8M
  • [sudo] password for flavio: 
  • 181+1 registros de entrada
  • 181+1 registros de saída
  • 1520762880 bytes (1,5 GB) copiados, 187,195 s, 8,1 MB/s
  • flavio@linux2:~$ 

Renomeando os prints iniciais para o Fuso horário de Brasília, com o pyRenamer

A primeira sessão Live USB foi iniciada em 22 Abr. 2016, às 8:31, e encerrada às 12:23.

A atual sessão em Live USB foi iniciada em 22 Abr. 2016, às 12:26, e terminará à 0:25 do dia 24, após 36 horas.

Dolphin configurado para facilitar o trabalho

Gimp configurado com a fonte Verdana, cor verde e apenas 2 “janelas” de ferramentas, para agilizar

That’s all, Folks!

Uso da Memória ao fechar os demais aplicativos para encerrar a sessão

P.S.: Uso da Memória ao fechar os demais aplicativos, para encerrar a sessão.

_______
Este relato foi publicado inicialmente às 13:50 (23 Abr. 2016), com 1 foto e alguns parágrafos; e desenvolvido até 16h00 (4 fotos, 21 parágrafos), quando começou a ser divulgado.
• O relato foi concluído à 0:20 de 24 Abr. 2016, com as 14 imagens editadas no Gimp.
• A sessão Live USB foi encerrada por volta de 0:25, após 36 horas de funcionamento praticamente perfeito.
• Relato reaberto no Kubuntu 14.04 (HD) à 1:25 para o Post Scriptum, com a 15ª imagem.

— … • … —

Kubuntu



Testes de trabalho em “Live USB”


7 comentários:

  1. meu amigo, como faço para manter as alterações que faço na versão live depois que preciso desligar o pc?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vi vários tutoriais, porém ainda não comecei a selecionar.

      Uma abordagem inicial -> http://www.pendrivelinux.com/what-is-persistent-linux/

      Outra -> https://usbubuntu.wordpress.com/make-it-persistent/

      Outra -> https://es.wikipedia.org/wiki/Live_USB

      Excluir
  2. Baixei o Kubuntu 14.10; 15.04;15.10 e 16.04 - Não consigo instalar. Quando instala não funciona.
    O que está acontecendo? Uso Ubuntu desde 2008 e Kubuntu desde 2011.
    O que estou fazendo errado? Tentei baixar por atualização, granvando em CD e DVD e nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando você diz "não funciona", o que acontece, exatamente?

      Excluir